Visite o portal do Prêmio

08/09/2015

Agronegócio mantém força na economia brasileira mesmo sob crise

O agronegócio está resistindo bravamente à crise atual – abordada no post anterior – e, mais uma vez, é o destaque da economia para o orgulho dos brasileiros. O setor continua em evidência nas exportações, impulsionando os negócios, gerando empregos e sustentando o PIB no Brasil. Isso confirma ainda mais a importância da nova categoria.

Agricultura 1Pelas suas commodities, é o “fiel da balança” e continua aumentando a sua participação nas exportações do país, mesmo com o preço de todos os produtos em queda em comparação à 2014. No primeiro semestre deste ano, o agronegócio respondeu por 46% das vendas externas, com alta em relação ao ano passado, quando o percentual foi de 43%. O resultado teve o peso da crise no mercado de minério de ferro, que perdeu para a soja o posto de principal item exportado.

Mesmo em momento de adversidade, o setor também tem gerado empregos. Segundo o último levantamento do Caged (Cadastro Geral de Empregos e Desempregados), a agroindústria teve saldo de 8,5 mil vagas em abril deste ano, alta de 0,5% em comparação com 2014.

Indo na contramão do tenso cenário econômico, foi o único segmento que manteve crescimento no primeiro semestre deste ano, em relação ao mesmo período do ano passado. Enquanto o PIB geral caiu 1,9% no segundo trimestre frente aos três primeiros meses do ano, a evolução da agropecuária foi 3%.

Agricultura 2Diante desses resultados positivos, o agronegócio tende a fechar o ano com evolução, pois a safra recorde e o desempenho do setor de carnes devem manter o ritmo da atividade. É a força do segmento se confirmando e se consolidando ano a ano.

Toda a potência agropecuária do Brasil é ressaltada entre economistas e especialistas em debates e reuniões. Essa é a boa notícia que circula na imprensa nacional diante de um país em crise. A aposta é que o agronegócio seja o setor chave para a recuperação da economia.

Assim, você, que escreve matérias relacionadas ao agronegócio e cobre o segmento, não pode deixar de se inscrever na 23ª do Prêmio CNH Industrial de Jornalismo Econômico. Suas reportagens informam a população sobre o segmento mais forte da economia brasileira e merecem ser reconhecidas. Participe!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>